Portugal é o país que mais cortou na compra de carros após a pandemia

Por António Pereira em 20-07-2021 em Economia, Imprensa, Indústria, Seguros
0
0

Números europeus do primeiro semestre mostram uma quebra de 36,7% face ao período homólogo de 2019.

Os consumidores da União Europeia (UE) compraram menos um milhão e meio de carros no primeiro semestre de 2021, face ao último ano pré-pandemia (2019) e Portugal contribuiu para essa quebra à medida da dimensão do seu pequeno mercado nacional. Foram menos 47 mil veículos, segundo os dados europeus hoje divulgados, o que é uma redução nominal muito aquém da da Alemanha, onde se venderam menos 458 mil carros neste primeiro semestre de 2021 face a 2019. Mas ponderada a dimensão do mercado antes da pandemia, verifica-se que Portugal foi o país onde mais se cortou na compra de carros.

Em termos percentuais, a quebra nacional em 2021 face a 2019 é de 36,7%, a maior decréscimo de todo o espaço da UE. Só a Roménia (-34,1%) e a Espanha (-35%) têm mercados em que o registo de novas matrículas teve comportamentos com dimensão semelhante. A média europeia cifra-se num recuo de 22,5%.

Fonte da notícia: https://www.publico.pt/2021/07/16/economia/noticia/portugal-pais-cortou-compra-carros-apos-pandemia-1970654

Comentários

comentários

Acerca do Autor

António PereiraVer todas as publicações de António Pereira
Iniciou a sua carreira de perito avaliador / regulador de automóveis na MAPFRE, em 1994, desenvolvendo essa atividade em parceria com a industria seguradora, de forma rigorosa e exigente, até aos dias de hoje.

0 Comentários

Deixar um comentário

Deixe uma Mensagem

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Receba as novidades por Email

Se encontrou algum conteúdo que lhe interessa, inscreva-se para receber um resumo mensal com todas as novidades.
Email
Dou o meu consentimento?
Nenhum dado será fornecido a terceiros